Estamos no Audioquest

O Audioquest é uma plataforma de pesquisa de mercado para músicos.
Destina-se a artistas, produtores e editoras que queiram obter feedback do público acerca das suas produções musicais.
Da mesma forma destina-se a todos aqueles que queiram, na qualidade de ouvintes, contribuir com a sua opinião para a melhoria da música produzida.
O Audioquest pretende assim preencher um espaço até agora por explorar no mercado nacional.

Mais info em: http://www.audioquest.pt

UM ANO TERAPÊUTICO E RUIDOSO

UM ANO TERAPÊUTICO E RUIDOSO
by terapiadoruido

NYE2014

Para terminar o ano em grande o Bartô convidou os indescritíveis Kafunfo noSoundsystem & VJ Gif para um dj/vj set terapêutico na noite de 31 de Dezembro (quarta-feira) que contará também com a ilustre participação do Bandido Robot e de outros convidados! A entrada é livre e haverá música para tímidos, coxos e zombies a partir das 22h!

Assim acaba um ano especialmente trágico em que a ATR viu desaparecer um dos seus terapeutas do ruído, o João Capela, amigo que nos deixou em Fevereiro e que entre muitas outras actividades e talentos era também o baterista dos dUASsEMIcOLCHEIASiNVERTIDAS e dos Da Monstra.IMG_3203 (1)Mas no meio do terrível desalento e dor com que todos os seus amigos, familiares e conhecidos ficaram, descobrimos também uma enorme força que nos tem ajudado a perdurar a sua memória e a continuar com o ruído. Aqui fica mais um grande bem-haja a todos os que nos apoiaram nesses difíceis momentos e que nos têm ajudado a seguir em frente.

 

E com essa energia a ATR arregaçou as mangas para fazer mais e melhor: além dos cerca de cinquenta concertos que tivemos o prazer de organizar com mais de uma centena de bandas e músicos nacionais e internacionais, a ATR participou directa e indirectamente em muitos outros eventos e estabeleceu novas (e gratificantes) parcerias com colectivos/editoras portuguesas como a ZigurArtists, A Besta ou a Lovers & Lollypops, com a qual a ATR colaborou em vários concertos, incluindo as edições lisboetas do Taina Fest. E continuou a trabalhar com gente incrível como o Nuno da Dedos Biónicos, a Alex e o Miguel do Bartô, o Mário e o Mike do Lounge, o Pedro da Experimentáculo, o João do Mercado Negro ou a boa gente do RDA69, onde a ATR tem uma residência mensal e onde no fim de Fevereiro se fez uma sentida Noite à Capela. E com tantas outras promotoras e espaços que nos fazem acreditar no que fazemos, como os acima mencionados ou o Dona Lourdes e o Fantasma que infelizmente fecharam as portas durante este ano ou ainda todas as pessoas que nos ajudam de uma forma ou de outra, seja a organizar ou a “fazer o som”, a tocar ou a gravar, a divulgar ou a anunciar, a criar ou a colar cartazes, a cozinhar ou a servir pratos, a cobrar bilhetes ou a controlar entradas, a desfrutar ou a simplesmente comparecer.

 


zaratan logoPara além disto tudo houve ainda a abertura da Zaratan – Arte Contemporânea, uma nova galeria de arte com a qual a ATR tem vindo a desenvolver uma programação musical de concertos experimentais, intervenções sonoras e outros ruídos que começou com o Ciclo Pré-Go, o qual deu início a um projecto específico de edições gráficas em parceria com a 1359 e que continuará em breve com novos ciclos.

 

 

lemur capa reediçãokauzpellaplatzE houve também a criação do bandcamp da ATR, plataforma digital onde foi lançada a compilação de tributo ao João Capela, “Kaüzpellaplatz” e onde em breve serão publicadas outras edições, incluindo o segundo volume desta compilação e a discografia completa dos Lemur que foi editada em formato físico em Julho deste ano numa parceria entre a ATR, a Miranada e a banda.

 

Por último (por razões óbvias e não só) este foi ano pouco activo para os infames dSCi: sem contar com 2007, ano em que se formaram, esta foi a primeira vez em que não fizeram nenhuma digressão internacional nem editaram nenhum registo discográfico e em que, como em 2007, deram apenas 11 concertos (mas todos eles inesquecíveis).

Apesar disso vários dos seus membros estiveram activos com outros projectos paralelos e a solo como Kafunfo noSoundsystem, Catapulta, Gee Bees, Panda-X (aka X aka VJ Gif), Lemur, Aye-Aye ou a Orquestra do Ruído, que se juntou por duas vezes este ano: uma para homenagear o companheiro João Capela e outra para participar no festival Nozes Sons da Primavera.

terapiadoruido | December 31, 2014 at 1:58 PM | URL: http://wp.me/pHIHq-zg

Unsubscribe to no longer receive posts from .
Change your email settings at Manage Subscriptions.

Trouble clicking? Copy and paste this URL into your browser:
http://terapiadoruido.wordpress.com/2014/12/31/um-ano-terapeutico-e-ruidoso/

Thanks for flying with WordPress.com

 



Paulo Piedade Rodrigues
91 248 65 87

www.arquitecturadoruido.com

facebook.com/arquitecturadoruido

Destaques da Semana | Associação Renovar a Mouraria | 30 e 31 de Dezembro · 03 de Janeiro

Associação Renovar a Mouraria / 30·31 de Dezembro e 3 de Janeiro



A cafetaria estará encerrada nos dias 1 e 2 de Janeiro
Cafetaria …………Horário…………………………….
terças > 17h às 24h  quartas e quintas > 16h às 24h
sextas e sábados > 16h às 02h

Sabias que a receita da nossa cafetaria é fundamental para requalificar a sala do apoio ao estudo para as crianças e jovens do bairro?
…………………………………………………….

terça, 30
21h30 Video Habitual da Semana 
“É sempre a mesma cantiga” de Alain Resnais

 quarta, 31

2015 VAI SER EM DDOOBBRROO / Passagem de Ano na Mouradia
19h00
BOTA FORA 2014
Nuno Saraiva a brindar-nos com músicas de todos os tempos

22h30
Congo Stars
Música do Congo para dançar até não poder mais

01h00 até às 04h00
Suricata -> Absolut Pimbalhice

Para a festa gastronómica: churrasco em brasa /risoto com cogumelos e espargos / creme de ano novo com crouttons / rolinhos da vizinha Guida / chamuças do ano passado / mousse after midnight / bolo de mel e frutos secos / e muitas outras iguarias, do exótico ao vegetariano,

ao longo de toda a festa

 sábado, 3
22h30 Concerto de Rita Braga
pré-lançamento do novo EP “Gringo in São Paulo”

Feliz 2015

ZDB esta semana: THE LEGENDARY TIGERMAN

 

ZDBMuzique
Quinta, 25 de Dezembro às 23h
The Legendary Tigerman

‘Fuck Christmas, I’ve Got the Blues sessions’

A sabática terminou e Paulo ‘Tigerman’ Furtado regressa às suas sessões Fuck Christimas, I’ve got the Blues na ZDB, recuperando o carisma e a eternidade do rock n’ roll.

LER MAIS

Entrada: 15€ / Bilhetes disponíveis na Flur, Tabacaria Martins e 49 ZDB (quarta a sábado, a partir das 22h)

 

PRÓXIMA SEMANA

SERVIÇO EDUCATIVO

Sábado e Domingo, 3 e 4 de Janeiro às 16h / Workshop às 16h45
Fábulas Elementares de Claúdia Jardim, Patricia Portela e Sónia Baptista
Seguido de Workshop Revoluções Químicas

LER MAIS

As actividades da ZDB são exclusivas a sócios, sendo que o bilhete para cada actividade corresponde a uma quota diária de sócio. Se desejar ser sócio anual da ZDB visite SóciosZDB e escreva para socios@zedosbois.orgTodas as actividades da ZDB, salvo as do Serviço Educativo, são indicadas para maiores de 16 anos. 
Galeria Zé dos Bois R. Barroca, 59 1200-047 Lisboa | NEGÓCIO  R. de O’ Século nº9 porta 5 1200-166 Lisboa  t: +351 21 343 0205 | www.zedosbois.org | zdb@zedosbois.org 
A ZDB é uma estrutura financiada pela Presidência do Conselho de Ministros –  Secretaria de Estado da Cultura – DG Artes. O Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social apoia a ZDB. Com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa.

Dead Neanderthals e Orthodox em Janeiro no Porto

O free-jazz extremo dos Dead Neanderthals acompanha o regresso dos Orthodox a Portugal.

 
O 2015 da Amplificasom começa já no próximo dia 29 de Janeiro, data em que a recém inaugurada CAVE 45 (na Rua das Oliveiras, Porto) receberá a estreia em Portugal dos Dead Neanderthals e também o regresso dos Orthodox.
 
Inline image 1

 

Os Dead Neanderthals são ainda uma pérola escondida – mas, acreditamos, não por muito tempo. Ampliando a linguagem do free jazz até aos territórios extremos do grindcore, do metal e do noise, podemos olhá-los como uns Borbetomagus dos nossos dias – e o slogan ‘FUCK conventions and FUCK expectations’ outrora patente no seu website confirma-o. Tal como em Prime, o último disco, o duo holandês será acompanhado neste concerto pelo saxofonista britânico Colin Webster.

 

Quase como um pugilista que pratica os uppercuts em frente ao espelho, os Orthodox jogam contra o nome que ostentam. Essa negação da ortodoxia faz-se pela subversão dos cânones do doom metal – estilo a que os espanhóis injectam experimentos de jazz e de drone, e ainda usando ferramentas atípicas como os instrumentos de sopro ou a sua própria língua mãe. A evolução e metamorfose permanentes da banda têm-se reflectido também na sua formação: já foram um trio, já os vimos como quarteto, e  são agora um duo de baixo/voz e bateria. Depois da estreia no Porto, em 2008, e da dose dupla em 2011 – para a primeira parte de Scott Kelly e, meses mais tarde, para o primeiro Amplifest – os Orthodox regressam para o primeiro evento Amplificasom de 2015. 

 

Os bilhetes estarão disponíveis à porta do concerto, pelo preço de 5€. As portas da Cave 45 têm abertura marcada para as 21h00 e o concerto dos Orthodox terá início às 21h30; os Dead Neanderthals fecharão a noite.

 

O prazo para a solicitação de credenciais de imprensa termina no dia 27 de Janeiro.

 

Qualquer esclarecimento adicional: press@amplificasom.com.

Angelo Carvalho

Events/ Booking:
16/01 HHY & The Macumbas – Salão Brazil, Coimbra
17/03 HHY & The Macumbas – Musicbox, Lisboa
21/01 HHY & The Macumbas – Maus Hábitos, Porto
08/02 Process of Guilt – Burning Light Fest, Lisboa
11/03 Enablers – TBA, Vila Real
12/03 Enablers – Musicbox, Lisboa
16/04 Russian Circles + Helms Alee – RCA Club, Lisboa
 

DEZEMBRO RUIDOSO (parte IV)

Este sábado (27 Dez.) há mais uma sessão da residência mensal da ATR no RDA69, onde para além do habitual (e delicioso) jantar haverá concertos da dupla lisboeta Meia de Leite e da dupla luso-finlandesa Vicente/Marjamäki! (mais info ”

New post on terapiadoruido.wordpress.com

DEZEMBRO RUIDOSO (parte IV)
by terapiadoruido



Vicente-Marjamäki foto

Este sábado (27 Dez.) há mais uma sessão da residência mensal da ATR no RDA69, onde para além do habitual (e delicioso) jantar haverá concertos da dupla lisboeta Meia de Leite e da dupla luso-finlandesa Vicente/Marjamäki! (mais info em baixo)

Meia de Leite imagem1

E para terminar o ano em grande o Bartô convidou os indescritíveis Kafunfo noSoundsystem & VJ Gif para um dj/vj set terapêutico na noite de 31 de Dezembro (quarta-feira)! (mais info em breve)

ATR @ RDA XIV

Jantar-Concerto

sáb. 27 Dez. a partir das 20h

Meia de Leite (pt) + Vicente/Marjamäki (pt/fi) @ RDA69

(Regueirão dos Anjos, 69 – entrada livre! – jantar: 3 euros)

RDA27net

Meia de Leite é café com leite, dois jovens lisboetas da alta burguesia, filhos bastardos de Bonga Kwenda e Rod Stewart. Agarrados aos trópicos mais intensos, procuram a verdade mais pura canonizada pelos clássicos greco-portugueses – sempre aplicada na vida do ghetto. A sua música reflete a sociedade que os rodeia, abordando as questões mais existencialistas do coto-indiano português, Meia de Leite regressou de Alcácer-Quibir para animar o povo. Os desenhos são de Nuno Fonseca, a música é de todos. http://www.youtube.com/watch?v=zMKYgHlEukw

Vicente/Marjamäki é o duo de improvisação livre que junta o trompetista português Luís Vicente ao mestre de electrónicas finlandês, residente em Portugal há vários anos, Jari Marjimäki. Depois do álbum de estreia “Alternate Translations”, lançado em 2013 pela MiMi Recs., o duo luso-finlandês apresenta-nos agora “Opacity”, que foi recentemente editado pela JACC e que conta com a participação de vários convidados como Valentin Ceccaldi, Pedro Madaleno, Miguel Mira e Marcelo dos Reis.  www.youtube.com/watch?v=wdZwfGMTk1A

terapiadoruido | December 22, 2014 at 8:06 PM | URL: http://wp.me/pHIHq-z3

 

[ENR-Announce] M-PeX – ODÝSSEIA

[EN] Latest album by M-PeX, his 5th on Enough Records is a double
album. It draws it’s inspirations from two odysseys: Homero’s and
Kubrik’s. The first cd, sub-titled “Prologus” is entirely acoustic,
with M-PeX on the Portuguese guitar and André Coelho on double bass.
The second cd is titled “Epilogus”, adding electronic elements to the
sounds and featuring additional guest artist DJ X-Acto providing some
additional electronics and scratch sounds. Artwork by Marco Madruga.

[PT] Mais recente album de M-PeX, o seu quinto lançado pela Enough é
um album duplo. Inspirado em duas odisseias, a de Homero e a de
Kubrik. A primeira parte entitula-se “Prologus” e consiste em 6 temas
completamente acústicos, com M-PeX na guitarra portuguesa e André
Coelho no contra-baixo. A segunda parte entitula-se “Epilogus” e
acrescenta elementos electrónicos com a colaboração do artista
convidado DJ X-Acto. Grafismo de Marco Madruga.

http://archive.scene.org/pub/music/groups/enough_records/enrmp364_m-pex_-_odysseia.zip
http://www.archive.org/details/enrmp364_m-pex_-_odysseia
http://freemusicarchive.org/music/M-PeX/ODYSSEIA/

http://enoughrecords.scene.org

ZDB esta semana: NEGÓCIO – Medo e Feminismos – Palestra / Performance de Maria Gil e Miguel Bonneville

 

NEGÓCIO
Quarta a Sábado, 17 a 20 de Dezembro às 21h30
Medo e Feminismos – Palestra / Performance de Maria Gil e Miguel Bonneville

Duas pessoas, que manifestam um saber arquivista sobre medos, estão sentadas lado a lado para evocar medos passados presentes e futuros; autobiográficos ou não. Medos que se transformam em medos sociológicos, em manifestações do controlo político que é exercido sobre a sociedade, sobre as… LER MAIS

Entrada: 7.5€ / Entrada estudantes em grupo: 5€ / reservas@zedosbois.org

 

PRÓXIMA SEMANA

Quinta, 25 de Dezembro às 23h
The Legendary Tigerman

‘Fuck Christmas, I’ve Got the Blues sessions’

LER MAIS

As actividades da ZDB são exclusivas a sócios, sendo que o bilhete para cada actividade corresponde a uma quota diária de sócio. Se desejar ser sócio anual da ZDB visite SóciosZDB e escreva para socios@zedosbois.orgTodas as actividades da ZDB, salvo as do Serviço Educativo, são indicadas para maiores de 16 anos. 
Galeria Zé dos Bois R. Barroca, 59 1200-047 Lisboa | NEGÓCIO  R. de O’ Século nº9 porta 5 1200-166 Lisboa  t: +351 21 343 0205 | www.zedosbois.org | zdb@zedosbois.org 
A ZDB é uma estrutura financiada pela Presidência do Conselho de Ministros –  Secretaria de Estado da Cultura – DG Artes. O Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social apoia a ZDB. Com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa.